O Ontem sobre o qual me inclino

Nação e Povo na América Latina através da obra de Paulo Francis.

Autores

  • Carlos Eduardo Rebello de Mendonça UFRJ

DOI:

https://doi.org/10.29146/ecops.v25i2.27743

Palavras-chave:

Paulo Francis, Sociologia dos Intelectuais, Populismo Latino-Americano, América Latina Pós-colonial

Resumo

Este texto busca, através de um exercício memorialístico, analisar alguns textos do jornalista/enfant terrible Paulo Francis (1930-1997) como expressão da cisão entre Nação e Povo no discurso político dos intelectuais ligados ao projeto populista no Brasil e na América Latina.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ABRAMO, F.; KAREPOVS, D. (orgs.) Na Contracorrente da História: Documentos da Liga Comunista Internacionalista. São Paulo: Sundermann, 2015.

DEUTSCHER, I. Heretics and Renegades. Londres: Hamish Hamilton, 1955.

DOMINGUES, J. “Vicissitudes e Possibilidades da Teoria Crítica Hoje”. Sociologia & Antropologia, v. 1, n. 1, Jan-Jun, 2011. DOI https://doi.org/10.1590/2238-38752011v114 Acesso 19 de ago. de 2021.

_______. Modernidade Global e Civilização Contemporânea. Belo Horizonte: UFMG, 2013.

FRANCIS, P. Cabeça de Negro. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1979.

_______. O afeto que se encerra. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1980.

_______. Diário da Corte. São Paulo: Três Estrelas, 2012.

_______. A Segunda mais antiga profissão do mundo. São Paulo: Três Estrelas, 2016.

GRIMSON, A. Racialidad, etnicidad y clase en los orígenes del peronismo: Argentina 1945. KLA Working Paper Series, no. 15, 2016.

HABERMAS, J. O Discurso Filosófico da Modernidade. Lisboa: D. Quixote, 1990.

IANNI, O. A Formação do Estado Populista na América Latina. São Paulo: Ática, 1989.

JORDAN, W. The White Man’s Burden: Historical origins of Racism in the United States, Nova Iorque: Oxford University Press, 1974.

KLEIN, H. A Concise History of Bolivia. Cambridge U. Press, 2011.

KUCINSKI, B. A Síndrome da Antena Parabólica. São Paulo: Fundação Perseu Abramo, 1998.

MALLON, F. Peasant and Nation: The Making of Postcolonial Mexico and Peru. Berkley: University of California Press, 1995.

MARIÁTEGUI, J. Sete Ensaios de Interpretação da Realidade Peruana. São Paulo: Expressão Popular, 2010.

MARX, K. Grundrisse, Penguin Books, 1981.

MOURA, C. Introdução ao Pensamento de Euclides da Cunha. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1964.

_______. O Negro: de bom escravo a mau cidadão? São Paulo: Dandara, 2021.

NEIBURG, F. Os Intelectuais e a Invenção do Peronismo. São Paulo: EdUSP, 1997.

PRATA, J. et alli. Sergio Motta: o trator em ação. São Paulo: Geração, 1999.

SCHWARZ, R. Cultura e Política. São Paulo: Paz e Terra, 2001.

SODRÉ, N. Memórias de um Escritor. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1970.

_______. A Fúria de Calibã. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1994.

TROTSKY, L. Problems of Everyday Life. Nova Iorque: Pathfinder, 2004.

_______. Escritos Latino-Americanos. São Paulo: Iskra, 2009.

VEYNE, P. “O Império Romano”, In: VEYNE, P.; DUBY. (orgs.), História da Vida Privada-I. São Paulo: Cia. das Letras, 1990.

_______. L’Empire Gréco-Romain. Paris: Seuil, 2005.

WEFFORT, F. O Populismo na Política Brasileira. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1980.

ZANATTA, L. Breve Historia Del Peronismo Clásico. Buenos Aires: Sudamericana, 2009.

Downloads

Publicado

2022-10-31

Como Citar

Rebello de Mendonça, C. E. (2022). O Ontem sobre o qual me inclino: Nação e Povo na América Latina através da obra de Paulo Francis . Revista Eco-Pós, 25(2), 359–378. https://doi.org/10.29146/ecops.v25i2.27743